1 de janeiro de 2020

A felicidade é agora



Fotografia: Juvenália De Oliveira


De madrugada, depois dos brindes, do fogo de artificio, dos abraços, e dos mil e um desejos para o futuro, deitamos-nos cansados. Pensamos no que foi, e no que vai ser. Sempre com a sensação que fizemos pouco. que cumprimos pouco. Que decepcionámos, a nós e aos outros. Por mais que tenhamos listas de objectivos, metas, desejos, eles vão-se perdendo ao longo do ano, num dia atrás do outro, porque não paramos. Não percebemos que é hoje, e não amanhã que os objectivos se cumprem. é agora e não amanhã que podemos ser felizes. 

31 de dezembro de 2019

Retratografia #12

O ultimo tema do ano deste desafio de retratografia é "Faceless", e esta é a minha interpretação.
Em primeiro lugar, o meu modelo favorito (o filhote), que cada vez mais se esconde da máquina, fazendo com que cada captura bem sucedida seja para mim uma grande vitória.
Tempos houve em que era natural e espontâneo, mas agora está a ficar um bocadinho como eu, tímido e sem jeito quando percebe que está a ser fotografado. Autoconsciência.


Segue-se um desconhecido, que fez as delicias das crianças no Jardim da estrela, e que eu fotografei um pouco a medo. Porque a verdade é que também não me sinto á vontade para fotografar desconhecidos na rua. Sempre com receio de estar a violar a sua privacidade.



E por ultimo, eu, que tantas vezes servi de modelo neste desafio, por deixar para a ultima hora, sempre a tentar não falhar, mas falhando na diversidade. Não faz mal, há muito que sei que o importante é fazer, e divertimos-nos com o que fazemos. Não vale a pena levarmos-nos muito a sério, já que somos um grãozinho de poeira no universo. 
Pó de estrelas, como digo ao meu filhote.





Quero aproveitar para vos desejar a todos, um excelente ano novo, cheio de paz, amor, e muita saúde. O resto chega com mais ou menos trabalho. Até para o ano!

Espreitem quem ainda (penso eu), participa neste desafio:



Por ultimo uma questão: Qual o foi vosso tema favorito neste desafio de retratos? Porquê.

30 de novembro de 2019

Retratografia #11


No tema deste mês, decidi mostrar duas ou três coisinhas que eu considero "Hygge" (o tema de Novembro) . Coisas simples, que me dão muita serenidade e me deixam sempre feliz. 

Ler.
Ler é das melhores coisas do mundo. Ler abre horizontes, faz-nos viajar no tempo e no espaço. Leva a nossa mente para lugares e sentimentos surpreendentes. Permite-nos ver o mundo pelos olhos de mil e uma pessoas (os autores).


31 de outubro de 2019

Retratografia #10

O mote de Outubro neste projecto de retratografia  é "details".
E a mim ocorreu-me que muitas vezes estamos a fotografar, tão absorvidos que nos escapam os detalhes. Vemos o quadro geral, mas aquele olhar, ou aquele sorriso, escapam e, tantas vezes é só a coisa mais bonita de uma imagem. Nesta sequência de raciocínio escolhi estas duas fotografias, por isso mesmo, detalhes que captei, quando eu era personagem secundária (também eu um detalhe), no acto de fotografar.



10 de outubro de 2019

Retratografia #9

O tema do mês de Setembro deste desafio é "into the woods".
Como se verifica pelo atraso da publicação, quase não cumpria, mas como não gosto de falhar compromissos, cá estou. 
E qual a razão para falhar um cenário que tanto gosto? Em primeiro lugar porque Setembro é um mês que passa a voar (regresso ao trabalho, regresso à escola...), em segundo lugar porque neste ritmo frenético que vivemos (vivo), o bosque é cada vez mais uma miragem, o que me entristece mesmo muito. 
Nos ultimos tempos, o local mais parecido com um bosque, têm sido os parques para onde arrasto a minha criança para a afastar dos ecrãs... E é pena esta grande falha, porque o bosque no seu estado mais puro regenera-me, dá-me calma e energia, é das coisas mais bonitas, e das quais sinto mais saudade, já que quando era miúda, era a minha segunda casa.
Fica a amostra fotográfica, mas claramente longe do que um bosque é para mim.