10 de julho de 2014

Da amizade

Os amigos são como os nossos filhos quando saem do "ninho", precisam de mais mundo.
Apesar de gostarmos de os ter sempre por perto, são para partilhar com quem os estima como nós.
Há que os deixar ir para outros voos sem mágoa, e quando voltarem recebe-los de braços abertos.
A verdadeira amizade, tal como o amor, nunca se divide, continua a multiplicar-se.


Sem comentários: