13 de abril de 2015

Fim de semana (quase) alucinante

Hoje de manhã cheguei ao trabalho feliz por finalmente poder descansar o corpo. 
Há muito que não tinha um fim de semana tão cheio.
Em dois dias, entre os habituais afazeres mundanos, encaixei: idas ao parque, jardim, praia, caminhada, bicicletas, ….
Sábado, apesar do bom tempo, tive que me enfiar 2 horas no cabeleireiro para tratar do cabelo que já estava uma lástima (é sempre um tempo que me custa perder). Cheguei tarde para o almoço, o que resultou num almoço à pressa porque a seguir tínhamos combinado ir ao parque, e passear na praia com alguns amigos. 
Logicamente, quando regressei a casa ao fim da tarde, havia mil e uma coisas para fazer… 

Domingo, acordei ás 7.30 ainda um pouco cansada, fruto de me ter deitado ás duas da manhã, mas levantei-me animada pois tinha pela frente a perspectiva de uma caminhada em Mafra. Não foi uma caminhada a repetir, (depois digo porquê).
Cheguei a casa ás 14 horas estafada e cheia de fome, e retomei o sprint.
Preparar almoço para mim, que eles já tinham comido, banho, almoçar, e ala que se faz tarde para Algés, caminhar mais uns valentes quilómetros atrás da cria, que quis ir andar de bicicleta com alguns amigos.
Juro que me custou, estava muito calor, esqueci-me de pôr protector solar, e não levámos agua suficiente.
Quanto mais eles avançavam, mais eu fazia contas ao quanto ainda tinha que andar para voltar ao ponto de partida, onde tinha ficado o carro.
Os pés a ferver dentro dos ténis, o calor a deixar-me mal disposta, a bexiga a dar sinal, e os miúdos continuavam a pedalar.
Eu confesso que só alinhei para não dar parte de fraca, porque o que me apetecia depois do banho e do almoço, era esparramar-me no sofá a ver uma porcaria qualquer na televisão até adormecer.
No regresso ainda fui obrigada a passar no supermercado para comprar umas coisinhas que me faziam falta.
Em suma : compras, execução do jantar enquanto o filhote tomava banho, e jantar, tudo em modo acelerado, pelo que quando me sentei no sofá já bastante tarde, e comecei a ver um episódio gravado da Anatomia de Grey, o sono venceu, desisti e fui para a cama.

Por isso hoje, acordei de cabeça fresca, mas o corpinho, esse, ainda está todo moído da maratona que foi este fim de semana.




2 comentários:

Cláudia M disse...

Uiii N, uma maratona mesmo! Não foi um fim de semana de descanso, não ! ;)

É o tentar encaixar tudo, afazeres, descanso, desporto/caminhada, estar com quem amamos, em dois dias... não é tarefa fácil... :)

Beijinho

Escrever Fotografar Sonhar disse...

Acho que fui com muita sede ao pote. Mas o tempo esteve tão bom que quis aproveitar tudo.